Técnica FUE de transplante capilar: Conheça vantagens

A Técnica FUE de transplante capilar, sigla em inglês para Follicular Unit Extraction, é um dos procedimentos mais difundidos quando o assunto é calvície. De acordo com a Associação Brasileira de Cirurgia da Restauração Capilar, mais de 800 mil pessoas procuram, por ano, alguma técnica para tratar o problema. Mas a FUE é a que se destaca. 

Isso porque, a característica principal desta técnica é que ela é feita pela extração das unidades foliculares uma a uma. Assim, é possível implantar cerca de 3.000 fios de cabelo em apenas uma sessão. Quer saber mais sobre a técnica FUE e suas vantagens? Então, fique com a gente até o final. 

Em que consiste a técnica FUE de transplante capilar

A técnica FUE consiste em retirar, um a um, os folículos capilares e depois implantá-los na região receptora. O procedimento é amplamente difundido por ser inovador. O especialista retira os folículos de uma região do couro cabeludo do próprio paciente (denominada área doadora). 

Em seguida, esses folículos são colocados em soro fisiológico e permanecem nessa solução até serem transplantados na região calva. Os pontos de onde foram retirados os bulbos fecham-se em média após 7 dias, resultando em uma rápida recuperação para o paciente.

Quais as vantagens da técnica FUE de transplante capilar

A Técnica FUE de transplante capilar tem uma série de vantagens. Entre elas está o fato de que não há cortes lineares para retirada dos folículos. Deste modo, não há necessidade de pontos nem mesmo internação. O paciente vai para casa no mesmo dia. 

Outro ponto bastante interessante da técnica é que os folículos são implantados seguindo o desenho original onde estavam os cabelos antes de ocorrer a calvície. Desta forma, o procedimento resulta em um aspecto natural para o paciente.

Veja outras vantagens:

  • Recuperação rápida da área doadora;
  • Não há cicatrizes aparentes;
  • A técnica pode ser feita em outras partes do corpo e os pelos também podem vir de outras áreas;
  • Permite que as atividades físicas rotineiras sejam retornadas em pouco tempo;

Indicações da técnica FUE

De modo geral, a técnica FUE é indicada para os casos de alopecia androgenética e  situações em que o paciente sofreu queimaduras, por exemplo. No entanto, o candidato à cirurgia deve ter crescimento capilar saudável na parte de trás e nas laterais da cabeça, pois elas serão as áreas doadoras. 

Gostou do assunto e quer saber mais? Então, fique atento às atualizações semanais do nosso Blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *